Biblioteca Infantil muda de local e traz amplos espaços de convivência

Sonho antigo, local hoje conta com mais estrutura para os pequeninos

Bruno Amaral

Desde maio de 2016 a Biblioteca Infantil de Londrina está funcionando na sede da Secretaria da Cultura, na antiga Casa da Criança, Praça 1º de Maio, 110. A ideia da mudança vinha sendo pensada desde o começo dos anos 2000, pois a Secretaria buscava um espaço melhor e mais adequado para receber as crianças.

Durante as obras de restauro da antiga Casa da Criança, membros da Secretaria chegaram à conclusão de que seria interessante transferir a Biblioteca Infantil para junto da Secretaria da Cultura, porque todos tinham conhecimento dos diversos espaços de convivência existentes no prédio, conta a Secretária da Cultura de Londrina, Solange Batigliana. “Foi uma busca por um espaço melhor para a biblioteca infantil, retirando-a do fundo da Biblioteca Municipal, dando visibilidade para ela.”, explica. O prédio que abrigava a biblioteca infantil será utilizado para a reorganização de arquivos.

O novo local tem outros espaços que podem ser utilizados pelas crianças, como o Auditório Vilanova Artigas, o Solário Carlos Castaldi e duas pequenas praças. Esses ambientes podem ser utilizados também para a realização de eventos por parte da comunidade externa mediante solicitação junto à Secretaria de Cultura. Solange conta também que, quando houver propostas de atividades, eles poderão utilizar a Concha Acústica e o memorial dos pioneiros, que ficam em frente ao novo prédio. “A gente tem um ganho de espaço, de liberdade e de visibilidade, porque a biblioteca está aqui, está na frente, ela não está mais escondida.”, explica a secretária.

A bibliotecária Márcia Ono estima que há aproximadamente 234 crianças cadastradas no sistema da biblioteca infantil. No novo endereço o fluxo de visitas ainda é pequeno, mas no antigo, cerca de 30 crianças visitavam a biblioteca semanalmente. Sem contar as visitas escolares que acontecem com frequência.

A bibliotecária mostra-se preocupada com a era digital, pelo fato de que cada vez mais crianças estão em contato com celulares, tablets, entre outros

equipamentos eletrônicos. Ela reconhece a importância de se obter informações pelos meios digitais, mas ressalta que é importante a leitura de livros físicos, pois eles permitem o leitor “voar com a imaginação e criatividade”.

A Secretaria da Cultura funciona de segunda à sexta-feira das 12h às 18h. O acervo conta com enciclopédias, dicionários, atlas, literaturas infantil e juvenil e gibis. Há também um espaço para crianças a partir de três anos, que é a idade com que elas podem ser cadastradas para utilizar a biblioteca. O cadastro é feito através do CPF e comprovante de residência, a fotografia é feita na hora. Caso a criança não possua o documento, será utilizado o documento do pai, mãe ou responsável. Podem ser alugados até três livros ou gibis. O prazo do aluguel é de 10 dias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s