Webradios: novas formas de fazer jornalismo

Livro aborda a história do rádio e as transformações causadas no meio graças à internet

Mariana Tocci

O rádio passou por diversas transformações desde o início de seu uso como veículo de comunicação de massa. Nos anos 90, a internet provocou mais modificações no rádio até atingir o ponto de não ser necessário possuir um aparelho transmissor de ondas hertzianas para se escutar a programação de uma emissora.

As webradios, presentes somente na rede, são o objeto de estudo de Nair Prata no livro Webradio: novos gêneros, novas formas de interação. A pesquisadora é também jornalista e professora de Radiojornalismo. Em sua tese de doutorado, Prata discute esta nova maneira de se fazer rádio, os gêneros e as novas formas de interagir neste meio.

A obra começa com um breve histórico do veículo, discute-se as diferentes possibilidades de se fazer rádio (rádios hertzianas, rádios hertzianas com presença na internet e rádios com presença exclusiva na internet) e então é apresentada a análise que a jornalista fez durante seu doutorado. Ela escolheu, além de observar os gêneros e as formas de interação, o design das páginas da internet de webradios brasileiras. Afinal, neste modelo de radiofonia, os profissionais têm que se preocuparem não somente com o áudio, mas com textos e imagens também.

Em um ponto do livro, Nair questiona se a convergência midiática acarreta no fim das especificidades, do saber o que é rádio, TV e internet. O advento da web, segundo a autora, complicou o que parecia simples, pois “não é fácil submeter a um enquadramento linguagens tão semelhantes”. Para entender melhor as novidades tecnológicas e linguísticas no âmbito radiofônico, o estudo da pesquisadora foi – e ainda é – muito importante.

Webradio: novos gêneros, novas formas de interação foi lançado em 2009, uma época em que poucos autores abordavam este assunto como centro de suas obras. Ainda hoje, a literatura sobre webradios não é extensa. O livro de Prata é essencial para quem deseja estudar ou se informar sobre este tema no Brasil.

Como a autora diz em sua obra, a web não é o fim de uma era, mas sim o início de outra (agora digitalizada). E Nair Prata está apenas tentando compreender e explicar uma fração deste novo momento do rádio.

 

Ficha Técnica:

Nome: Webradio: novos gêneros, novas formas de interação

Autora: Nair Prata

Ano: 2009

Editora: Insular

Preço: R$ 44,00

Páginas: 256

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s