Festival de Música desperta produção independente

Músicos independentes encontram seu palco nas ruas, em meio à movimentação do Festival de Música de Londrina

Reportagem: Gustavo Casado, 4º ano matutino
Edição: Maria Vitória Ticiani, 4º ano matutino

MATgustavofoto1
Tetro Ouro Verde – reconstruído – protagoniza o Festival de Música e atrai bandas independentes. Fotografia: Gustavo Casado.

O 37º Festival de Música de Londrina começou no dia 9 e vai até o dia 22 de julho, no Teatro Ouro Verde e em diversos pontos da cidade. À medida que o povo londrinense se mobiliza para acompanhar a programação do festival, musicistas independentes fazem seu palco nas ruas.

A banda Weird Family, formada pelos músicos Suy Bernardi (violão), Nahem R. Facioli (bandolim) e Mariana Franco (baixo acústico), aproveitou a atenção que a população dará à música nos próximos dias para divulgar seu trabalho calçadão, centro da cidade.

Diferentemente da música clássica, repertório majoritário do festival, o trio produz um estilo street music (música de rua) e depende de colaborações voluntárias dos espectadores que param para ouvi-los.

“Nossa música é assim mesmo, para ser escutada em qualquer lugar e por qualquer pessoa” afirma a vocalista Suy Bernardi. Com músicas compostas em inglês, o grupo oferece composições alternativas ao público londrinense:

Confira a programação do Festival de Música de Londrina, no site do evento.

MATgustavofoto2
EP (Extended Play, CDs muito curtos para serem considerados um álbum) da banda Weird Family. Fotografia: Gustavo Casado.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s